E-commerce

Vai abrir um e-commerce? Vai vender o que?

Uma loja virtual pode ser o sonho de muitas pessoas, seja para uma mudança profissional ou para alcançar uma renda extra. Porém quando se deparam com a dúvida sobre o tipo de produto que devem vender, acabam desistindo da ideia e a motivação pela busca acaba cessando devido ao simples pensamento de que para iniciar no comércio eletrônico deve-se por exemplo vender um produto inédito. Muitos acreditam que isso se sustenta porque uma loja pequena não conseguirá competir com grandes empresas que já são tradicionais no mercado.

Entre tantas dúvidas a respeito do tipo de produto a ser comercializado em uma loja virtual, separamos algumas dicas para ajudar você comerciante ou futuro empreendedor a escolher o primeiro produto a ser comercializado em sua loja virtual. Confira as dicas a seguir:

5 dicas para analisar as oportunidades do que vender em um e-commerce

1. Estar familiarizado com o nicho

Estar familiarizado com o nicho significa conhecer os tipos de produtos que se pretende comercializar. É importante que o administrador da loja tenha em mente que não é obrigatório gostar ou utilizar o produto no qual pretende vender. Porém, é necessário que se conheça detalhes sobre o mesmo. A familiarização com os produtos facilitará na própria escolha do nicho a ser seguido de modo a englobar posteriormente outros produtos a serem comercializados.

2. Pesquisar sobre o que as pessoas mais buscam na internet

Com o auxílio de uma ferramenta online como, por exemplo, o Google Trends é possível descobrir o que as pessoas mais buscam na internet. Deste modo torna-se mais fácil obter-se uma visão ampla sobre os tipos produtos buscada pelas pessoas na internet, sendo uma ajuda adicional para definição do nicho de uma loja virtual.

img11

3. Analise as tendências

Analisar as tendências é um ponto importante para e escolha do produto a ser vendido. Isso porque haverá uma certeza de que determinado produto está em alta no mercado e terão saídas garantidas. Porém é necessário cuidado neste ponto, pois determinados nichos podem não ser sempre rentáveis em todas as épocas do ano, assim como correm o risco de tornarem-se ultrapassados com o tempo e sendo substituídos por outros nichos.

4. Marca própria

Ter uma marca própria torna-se uma alternativa para quem deseja inovar, ou até mesmo para trabalhar com nichos tradicionais. O fator principal em se ter uma marca própria está no diferencial que sua empresa poderá lançar no mercado, ou seja, neste ponto é válido analisar as necessidades do mercado dentro de cada nicho explorando seus espaços vagos.

Quer um exemplo? Uma determinada empresa lança um modelo de celular com seus respectivos acessórios e uma empresa iniciante no mercado pode ver neste nicho uma ótima oportunidade para criar acessórios mais sofisticados ou de acordo com a preferência do cliente. Deste modo, a empresa iniciante no mercado consegue trabalhar em um nicho já fortalecido de modo a inovar com sua marca.  Sendo assim, a quarta dica é: Se for ter uma marca própria, aproveite os espaços vagos do nicho que pretende trabalhar.

5. Faça do seu jeito

Por mais que já se tenha pensado em um produto inédito no mercado e não se tenha chegado a uma conclusão, vender produtos tradicionais também pode ser uma boa ideia para sua loja virtual. Apesar de tais produtos já serem comercializados por grandes empresas, não há nada mais inovador do que a sua forma de trabalho. Ou seja, a partir do momento que se cria uma loja virtual, você passará a trabalhar de uma maneira particular onde o atendimento, o contato com o cliente, o marketing, as formas de pagamento e entrega do produto podem e devem possuir algum diferencial para agradar o cliente e fazer diferença entre as outras lojas.

Deste modo, é válido refletir que, por mais que determinados produtos já sejam líderes em vendas em outras lojas, o diferencial estará na atuação da sua empresa cabendo a você administrador da loja fazer a diferença.

img12

Encontrar o produto ideal para venda em uma loja virtual nem sempre é uma tarefa fácil. Para iniciantes no ramo, podem surgir dúvidas no inicio do negocio principalmente devido à concorrência com lojas que já são referências no mercado. De qualquer modo, o administrador de uma loja virtual deve reservar um tempo em seu projeto para analisar com cautela a escolha do nicho a ser seguido.

O foco em inovar com produtos, a principio não deve predominar, porém também não deve ser desprezado, pois conforme mencionado anteriormente, o mercado possui uma infinidade de nichos onde cada um deles possuem “carências” em determinados produtos, sendo uma porta de entrada para grandes ideias e sucesso de algumas lojas virtuais.

Gostou desse post? Confira outras dicas para aumentar a conversão de seu e-commerce em nosso E-book. Vamos Avanti?

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Seu email não será divulgado.Os campos obrigatórios estão marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current day month ye@r *

FIQUE ATUALIZADO

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Respeitamos sua privacidade.
Nunca enviamos spam!