Google Adwords, Otimização (SEO), Web Analytics

Código de conversão do Google Adwords, saiba qual a sua importância

Qualquer empresário que invista em campanhas de marketing para alavancar os resultados de seu site de e-commerce, precisa dos resultados da ação para elaborar novas estratégias para os seu negócio. A partir daí, ele pode corrigir os erros e aguarda um aumento do número de conversões. Mas como saber se a publicidade está dando retorno? Você conhece o comportamento do internauta depois de clicar no anúncio?

Essas perguntas são facilmente respondidas se o gestor da loja virtual utilizar o código de conversão do Google Adwords na sua página – uma ferramenta gratuita disponibilizada pelo próprio Google.

 

banner1-postblog-8

Opcional, porém indispensável

O código de conversão é um snippet de HTML e JavaScript inserido na página vista pelo cliente após a conversão – por exemplo, aquela com as mensagens como “Sua compra foi concluída com êxito” ou “Obrigado por preencher nosso cadastro”. Ao clicar no anúncio no Google, um cookie temporário é instalado no dispositivo do usuário (PC, laptop, smartphone ou tablet). Isso permite o registro da conversão e dá ao dono da página condições de avaliar os resultados das campanhas de marketing digital.

A inserção do código de conversão não é obrigatória, porém dela depende a correta aplicação dos recursos destinados a campanhas publicitárias no Google. O monitoramento das conversões permite analisar a eficiência dos cliques nos anúncios. A conversão mais importante é a concretização da venda, porém há outras que também merecem atenção, tais como download de aplicativos, ligações, inscrições em boletins ou preenchimento de cadastros. A ferramenta ajuda a identificar as melhores palavras-chave para cada anúncio, grupo de anúncios ou até mesmo campanhas. Dessa forma, o responsável pelo marketing do e-commerce tem elementos para definir as estratégias mais adequadas para o aumento do número de conversões. Outra aplicação do código de conversão se refere a formas de aproveitar melhor estratégias avançadas, tais como o custo por aquisição (CPA) e o retorno do investimento em publicidade. Tudo isso só acontece graças ao monitoramento das conversões.

Desdobramentos

De forma geral, considera-se como conversão a ação do cliente que é vantajosa para a empresa. Ela pode ser online ou offline. Resumindo: o clique do cliente no anúncio se transforma em negócio. Analisar as conversões orienta a estratégia do site para atrair novos consumidores, seja de conteúdo ou de produtos. Eis alguns exemplos de ações derivadas da interpretação de dados sobre as conversões. Relação entre anúncios e palavras-chave com metas do site – o gestor do e-commerce busca estimular a visualização de uma determinada página de seu site. Pode ser a de um produto em promoção ou um lançamento. O acompanhamento permite identificar quais palavras-chave funcionam melhor neste caso. Elevação do ROI – de acordo com os relatórios, é possível identificar que palavras-chave se mostram mais eficientes para alavancar o retorno sobre o investimento. Interatividade por dispositivos – muitos clientes clicam no anúncio utilizando um dispositivo, mas realizam a conversão por outro. Essa particularidade no comportamento de compra pode ser detectada e corrigida. Contagem de conversões – o código permite diferenciar o número de conversões totais (aquelas registradas em todas as instâncias de venda) das chamadas conversões únicas, quando um mesmo clique gera vários leads. Outra métrica analisa o número de cliques em anúncios no Google AdWords que resultaram em uma ou mais conversões. Essa metodologia não diferencia o peso dos leads, colocando no mesmo patamar “venda” e “assinatura de boletim”.

Privacidade

O responsável pelo acompanhamento da taxa de conversão deve estar atento a algumas questões. A primeira delas se refere ao cookie instalado no dispositivo do cliente. Ele tem prazo de validade. Outro detalhe importante é que, como forma de preservar a privacidade do cliente, não há como estabelecer relação entre os dados de conversão é um usuário específico. Como forma de demonstrar respeito pelo consumidor, o site pode apresentar notificações sobre os cookies. Os avisos destacam que a privacidade do cliente será preservada, mas dá ao usuário a palavra final sobre permitir ou não a instalação do cookie. A inserção do código de conversão é de suma importância para a análise das estratégias de marketing do e-commerce. Desprezá-la significa abrir mão de uma ferramenta eficiente, simples e gratuita, além de colocar em risco os recursos investidos em publicidade no Google.
O seu site utiliza códigos de conversão? Como você monitora o retorno do investimento em anúncios no Google? Conte-nos a sua experiência.
Já avaliou seu e-commerce com a nossa ferramenta gratuita? Aproveite!

banner2-postblog-8

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Seu email não será divulgado.Os campos obrigatórios estão marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current day month ye@r *

FIQUE ATUALIZADO

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Respeitamos sua privacidade.
Nunca enviamos spam!